Vice-governador anuncia R$16 milhões para conclusão de hospital de Ribeirão Pires

Repórter ABC | Luís Carlos Nunes – O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), anunciou nesta 5ª feira (08.jul.2021) o repasse de R$ 16 milhões para conclusão das obras do complexo hospitalar Santa Luzia.

Ribeirão Pires terá contrapartida de R$ 2 milhões e a expectativa é que as obras sejam concluídas até meados de 2023.
Participaram do evento, o vice-prefeito Amigão D’orto (PSB), os deputados estaduais Thiago Auricchio (PL) e André do Prado (PL), os deputados federais, Geninho Zuliani (DEM), Abou Anni (PSL), o presidente do Consórcio do ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), secretários Municipais, vereadores, o prefeito eleito de São Caetano do Sul, José Auricchio Júnior (PSDB), o prefeito de Rio Grande da Serra, Claudinho da Geladeira (Podemos) e diversas autoridades.

Em sua fala, o prefeito Clóvis Volpi (PL) destacou que foi ele quem iniciou a obra do hospital e que poder conclui-lo é seu principal compromisso com a cidade.

Volpi articula desde o início de seu mandato, a vinda de recursos para concluir o Hospital Municipal iniciado em seu governo, em 2008

“Estamos recebendo recursos para concluir o nosso sonho, que começou lá em 2008. Esse hospital será um marco pra nossa cidade. Nosso povo merece essa conquista”, disse o prefeito Clóvis Volpi lembrando que esse foi um dos únicos compromissos assumidos durante a campanha. “Nós sabíamos da crise financeira pelo qual passa o município. Por isso, não prometemos nada, pois sabíamos da dificuldade em cumprir. A exceção foi esse hospital. Sempre foi questão de honra pra nós colocá-lo em funcionamento”, completou.

Márcio Garcia exaltou a habilidade do governo de Ribeirão Pires em articular esses recursos.

“Isso é fruto de bastante diálogo entre o prefeito Clóvis Volpi e a nossa equipe de governo”, vice governador, Marcio Garcia. 

“Isso é fruto de bastante diálogo entre o prefeito Clóvis Volpi e a nossa equipe de governo. Estamos muitos felizes por contribuir com a realização de um sonho para o povo de Ribeirão Pires. A cidade e a região podem contar sempre com o governo de São Paulo”, disse.

As obras do complexo hospitalar estão paralisadas desde 2013 e será retomada conforme os repasses financeiros do governo do Estado. O projeto prevê a instalação de 98 leitos, sendo 60 de clínica médica, 18 de maternidade, 10 berçários e 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI); centro cirúrgico/obstétrico; atendimento ginecológico, área para internação, centro clínico, laboratório de análises clínicas, pediatria e maternidade.

Ainda no evento realizado no auditório do Ribeirão Pires Futebol Clube, o vice-governador também fez entrega simbólica de vouchers para 2.000 cestas básicas e para o vale-gás, que na cidade vai beneficiar seis famílias. Foi assinado também a liberação de R$ 12 milhões para obras de recapeamento na SP-122, que liga as cidades de Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Santo André.

Deixe uma resposta