Ribeirão Pires repassará R$ 130 mil às entidades beneficentes de assistência social

Secretário Leonardo Biazi esclarece dúvidas sobre o repasse da Aciarp para as entidades sociais da cidade

Promulgada após a sanção do prefeito Clóvis Volpi, a Lei 6604/2021 autoriza o repasse financeiro às entidades beneficentes de assistência social (somente as cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social) dos valores recebidos pela Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Ribeirão Pires (ACIARP), ao Fundo Municipal de Assistência Social (FMAS), a título de contrapartida pelas concessões do Complexo Turístico Vila do Doce. No total, serão repassados R$ 130.768,00 a ser aplicado com despesas de equipamento, material permanente e de consumo; obras e instalações.

A Proposta do Executivo Municipal de nº 026/2021 foi aprovada na última 5ª feira (24.jun.2021) pela Câmara de vereadores.

Ver a íntegra do documento ao fina desta matéria.

“O repasse às entidades é previsto em lei e compreende auxiliar na melhoria da estrutura das entidades devidamente registradas no Conselho Municipal de Assistência Social, melhorando assim o trabalho executado para os munícipes de Ribeirão”, explicou o secretário de Assistência, Participação e Inclusão Social, Leonardo Biazi.

Entre as instituições contempladas com o repasse estão: Associação Brasileira de Ação Social Cristã (ABASC); Associação Ribeirãopirense para Integração Social (ARIS) e Centro de Referência do Idoso (CRI) pelo Programa de Proteção Social Básica; Associação Sant’Anna Crianças de Ribeirão Pires, Associação Acolhida com Esperança da Grande São Paulo (Casa de Acolhida), Lar Espírita Dr. Adolpho Bezerra de Menezes (Labem), Associação Viva Bem a Idade que Tem (ASVBIQT) e Associação de Prevenção, Atendimento Especializado e Inclusão da Pessoa com Deficiência (Apraespi) pelo Programa de Proteção Especial de Média e Alta Complexidade.

Clique para acessar o 20210624091607162453696746ae70.pdf

Deixe uma resposta