43% dizem ter engordado na pandemia; 9% perderam peso, mostra pesquisa Poder Data

Com meses de confinamento e mais tempo em casa, 43% da população brasileira diz ter engordado durante a pandemia do novo coronavírus. Os que perderam peso foram só 9%, enquanto 44% mantiveram a condição física. Os dados são da pesquisa PoderData realizada de 15 a 17 de fevereiro de 2021 com 2.500 pessoas nas 27 unidades da Federação.

A partir de março de 2020, Estados e municípios adotaram (e adotam) medidas para conter a disseminação da covid-19. Comércios, bares e restaurantes foram fechados ou tiveram seus horários de funcionamento alterados em todo o Brasil.

Dessa forma, milhões de pessoas ficaram em casa, em confinamento, principalmente nos primeiros meses de quarentena –período mais mortal pela doença no Brasil até agora. Hospitais estavam se preparando para a demanda e instalando novos leitos.

No meio disso tudo, o governo distribuiu um auxílio de R$ 600 e depois R$ 300 para quase 68 milhões de pessoas para que enfrentassem a pandemia –já que alguns tinham perdido emprego e renda no período. A grande maioria desses beneficiários (77%) usou o dinheiro para comprar comida, mostrou, à época, pesquisa PoderData.

Deixe uma resposta