Cachoeira véu da noiva em Bertioga transborda e 2 pessoas desaparecem

De acordo com os bombeiros, um casal acabou sendo levado pela correnteza em Bertioga

Duas pessoas desapareceram em Bertioga, no litoral de São Paulo, após a cachoeira conhecida por Véu da Noiva ser atingidas por uma cabeça d’água. O fenômeno natural aconteceu no domingo (21.02.2021), após fortes chuvas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, equipes de Bertioga foram acionadas, por volta das 15h45, para resgatar um casal de turistas, moradores de São Paulo. Eles estavam atravessando a Cachoeira Véu da Noiva, localizada próximo à uma trilha do elefante, às margens da rodovia Mogi-Bertioga. A cabeça d’água atingiu o local e eles acabaram sendo levados pela correnteza.

Os dois estavam acompanhados de um grupo, que conseguiu voltar para a rodovia e acionar os bombeiros. As autoridades seguiram para o local, onde realizaram buscas até às 18h30. Como anoiteceu, as buscas tiveram que ser interrompidas. A procura pelo casal foi retomada às 6h30 desta 2ª feira (22.02.2021), com equipes de bombeiros de Bertioga, Guarujá e de Cubatão.

Ainda durante a tarde de domingo, um jovem de 23 anos também desapareceu na Cachoeira do Melvi, no Jardim Guaraiuva, em Praia Grande. Ela estava com outras três pessoas. O grupo foi surpreendido por um grande volume de água que desceu pela cabeceira do rio. Três pessoas conseguiram se salvar, mas o rapaz continua desaparecido.

Equipes da Guarda Civil Municipal e dos bombeiros foram até o local, mas devido ao volume de água, não conseguiram iniciar as buscas. Os bombeiros iniciaram os trabalhos, a procura do rapaz, na manhã desta segunda-feira.

Cabeça d’água

Segundo a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDEC/SP), a cabeça d’água é o fenômeno de aumento rápido e repentino da água em cachoeiras, rios e lagos, devido às chuvas intensas nas cabeceiras ou em trechos mais altos do curso d’água, o que representa um grande perigo.

As pessoas devem evitar frequentar esses lugares em períodos chuvosos. A presença de folhas, o aumento do volume do som de cascata e a mudança da cor da água são alguns dos indicativos do fenômeno. Ao notar a presença de qualquer um desses sinais, deve-se sair imediatamente da água.

Deixe uma resposta