Projeto de redução de salário do executivo e legislativo é adiado por 2 sessões a pedido de Zé Nelson

Zé Nelson pediu adiamento de duas sessões.Amaury e Guto Volpi se anteciparam e se manifestaram favoráveis a proposta de Amigão D’orto para que se reduza as remunerações do prefeito, vice, secretários e vereadores

Acolhendo o pedido de adiamento a pedido do vereador Zé Nelson foi adiado por duas sessões o projeto de Lei de nº 042/2020 e a Resolução 002/2020 que fixa a remuneração de integrantes do executivo e legislativo para os anos de 2021 à 2024.

Duas emendas foram apresentadas pelo vereador Amigão D’orto (PSB) na sessão legislativa desta quinta-feira (20) com o objetivo de reduzir os salário em 20%.

Em sua justificativa o vereador Zé Nelson disse que “esse projeto, é um projeto meio complexo e para uma discussão melhor porque ele chegou em cima da hora e eu nem tinha visto ainda”.

O vereador Amigão D’orto convidou os demais vereadores participem das duas emendas e que assinem conjuntamente a proposta que reduz as atuais remunerações”.

Segundo ainda o parlamentar, essas emendar possibilitaram uma economia nos cofres públicos de mais de R$ 3,9 milhões ao ano.

“A cidade passa por dificuldades financeiras e teremos pelo menos mais dois ou dois anos e meio de muito sacrifício e temos que agir com responsabilidade”, disse Amigão D’orto.

Os vereadores Guto Volpi (PL) e Amaury Dias se manifestaram favoráveis as duas emendas e caso os demais edis não queiram assinar as emendas ambos se dispuseram a subscrever a proposta ao lado de Amigão.

A proposta deve voltar aos debates no  plenário no dia 3 de setembro.

Deixe uma resposta