Paulo Skaf desiste de se candidatar à reeleição na Fiesp

Presidente da Fiesp, dedicado prioritariamente à carreira política, hoje como aliado do bolsonarismo, convocou reunião de sindicatos patronais para anunciar sua desistência de concorrer à reeleição na entidade

Paulo Skaf anunciou nesta quarta-feira (19) que não disputará novamente presidência da Fiesp. Uma nova reeleição exigiria a mudança do estatuto da entidade.

O anúncio foi feito em reunião com cerca de 30 presidentes de sindicatos patronais, que fazem parte da Fiesp.

Skaf disse que já havia cumprido sua missão como presidente da entidade e que lançaria um nome para disputar a eleição em uma chapa que teria o seu apoio, informa a jornalista Bruna Narcizo na Folha de S.Paulo.

Skaf tem ambições políticas. Foi candidato ao governo do estado de São Paulo nas três últimas eleições. E pretende se candidatar de novo em 2022 com apoio de Jair Bolsonaro.

Deixe uma resposta