Vereador Ditinho do Asilo pode perder cargo após cheirar calcinha durante sessão em SP

O vereador Ditinho do Asilo (PSC), de Bragança Paulista, pode perder o cargo depois de ser flagrado cheirando uma calcinha durante sessão legislativa virtual da Câmara Municipal na última terça-feira (23). O vídeo viralizou nas redes sociais e mostra o parlamentar com a calcinha na mão enquanto a vereadora Fabiana Alessandri fala sobre sobre cortes de árvores na cidade.

De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, vereadores da cidade aguardam o posicionamento oficial da presidente da casa, Beth Chedid (DEM), mas declararam que, caso não seja tomada um posicionamento coletivo, devem encaminhar a questão ao Conselho de Ética.

“Eu busco hoje uma representação feita por vários vereadores. Caso eu não consiga, vou buscar sozinho. Eu não vou passar pano para essa história. Você pegar um objeto de fetiche e fazer isso enquanto uma mulher está falando é asqueroso”, disse o vereador Quique Brown (PV). “

A Câmara emitiu uma nota e afirmou que está analisando as imagens e avalia as medidas que podem ser tomadas. Segundo o regimento da Casa, “proceder de modo incompatível com a dignidade da Câmara ou faltar com o decoro na sua conduta pública” pode acarretar cassação de mandato.

Ditinho declarou que a calcinha era presente de um amigo. “Achei que tinha desligado a minha câmera e meu microfone, mas não procedi corretamente, ficando a câmera aberta. Tratava-se de uma brincadeira e dentro do embrulho havia uma calcinha comprada em sex-shop, muito perfumada. Só peguei a peça íntima porque acreditava que a câmera estava desligada”, disse.

Deixe uma resposta