Ribeirão Pires confirma 64 casos de COVID-19 e 48 casos de cura. Taxa de letalidade continua alta

Ribeirão Pires registrou nesta segunda-feira (04) mais 1 resultado positivo de coronavírus na cidade, passando para 64 o número de casos confirmados da doença. Também hoje, foram recebidos 2 resultados negativos, totalizando 132 casos descartados (negativos). Outras 48 suspeitas de Covid-19 aguardam resultado de exame laboratorial.

Do total de casos positivos, 40 moradores já receberam alta ou cumpriram a quarentena e não apresentam mais sintomas da doença.

A taxa de letalidade nesta data é 10,94% e muito elevada se comparada a média estadual que está em 8,2%. O Brasil tem média de Brasil 4,9% e no mundo a taxa de letalidade por coronavírus encontra-se em 7,1%.

A taxa de isolamento social de Ribeirão Pires, registrada no último domingo (3), segundo o Sistema de Monitoramento Inteligente do Governo de São Paulo (SIMI) que mede diariamente o índice de adesão foi de 69%, o terceiro melhor índice já registrado. Em 12 de abril Ribeirão Pires registrou 71% e no dia 10 do mesmo mês apontou 70%.

O município permanece com 7 óbitos confirmados pela doença. Outras 11 mortes suspeitas de Covid-19 já foram descartadas e permanece 1 óbito ainda sob análise de laboratório.

Atualmente, há 6 pacientes internados na rede municipal de saúde de Ribeirão Pires, sendo 3 casos confirmados de Ccovid-19 e 3 casos suspeitos para a doença. Não há pacientes internados na rede particular.

Deixe uma resposta