Justiça proíbe Bolsonaro de adotar medidas contra isolamento social e derruba decretos

O pedido foi feito pelo Ministério Público Federal (MPF). Na decisão, o juiz da 1ª Vara Federal de Duque de Caxias, Márcio Santoro Rocha, determinou que o governo federal e a prefeitura da cidade de Duque de Caxias, “se abstenham de adotar qualquer estímulo à não observância do isolamento social recomendado pela OMS”, a multa em caso de desobediência é de R$ 100 mil.

Para Bolsonaro, quem tem seguido os conselhos dos órgãos acima mencionados, está agindo com “histeria”. Sem apresentar um dado científico, o presidente tem pedido abertamente, inclusive em campanha bancada com dinheiro público, para as pessoas voltarem as atividades normal.

O coronavírus já vitimou fatalmente 23.335 seres humanos no mundo e já contaminou 509.164 pessoas. Estamos falando de meio milhão de vidas.

No Brasil a situação não é nada esperançosa. Em um mês desde que a doença chegou por aqui, são 3.417 pessoas infectadas e 92 mortos.

São Paulo – 1223
Rio de Janeiro – 493
Ceará – 282
Distrito Federal – 230
Rio Grande do Sul – 195
Minas Gerais – 189
Santa Catarina – 149
Bahia – 115
Paraná – 119
Amazonas – 81
Pernambuco – 56
Goiás – 49
Espírito Santo – 47
Mato Grosso do Sul – 28
Rio Grande do Norte – 28
Acre – 25
Sergipe – 16
Maranhão – 13
Pará – 13
Mato Grosso – 11
Alagoas – 11
Roraima – 10
Paraíba – 9
Piauí – 9
Tocantins – 8
Rondônia – 6
Amapá – 2

Deixe uma resposta