Confinamento por coronavírus eleva em 50% casos de violência doméstica no Rio

A Justiça do Rio de Janeiro registrou um aumento de 50% nos casos de violência doméstica durante o período de confinamento para evitar a disseminação do novo coronavírus. O dado foi revelado nesta segunda-feira (23) pelo RJ2.

“Representa 70%, 80% da demanda do plantão. Infelizmente são mulheres que precisam de uma proteção imediata, de uma medida protetiva, seja lá qual for”, disse Adriana Mello, juíza titular da Vara de Violência Doméstica ao telejornal RJ2, da TV Globo.

Adriana Melo lembra que as instituições que atuam na defesa dos direitos das Mulheres, além dos órgãos de segurança, como a Polícia Militar, continuam funcionando e podem ser acionados  em caso de violência doméstica. “Esse é um fenômeno que a gente tem que enfrentar no Brasil. Esse é um momento em que os ânimos ficam mais acirrados e a gente precisa ter muita calma e tranquilidade “, recomendou.

Deixe uma resposta