Pela terceira vez vereadores ligados a Kiko adiam votação de veto de Projeto que pede mais transparência nas ações de infraestrutura de Ribeirão Pires

Pela terceira vez consecutiva o vereador Rogério do Açougue (PSB) pediu adiamento da votação do veto imposto pelo prefeito Kiko Teixeira (PSB) ao Projeto de Lei nº 056/2019 de autoria do vereador Anselmo Martins (PL) que dispõe sobre a obrigatoriedade da divulgação mensal dos trabalhos realizados pela Secretaria de Serviços Urbanos e Secretaria de Desenvolvimento Regional de Ouro Fino Paulista.

Segundo a alegação de Rogério do Açougue – que vem atuando nas últimas sessões como um líder de governo informal – esse novo pedido de adiamento se dá em função da possibilidade do próprio executivo sancionar a proposta.

“Estou pedindo o adiamento por uma sessão porque tem chance do projeto ser sancionado pelo prefeito. Já conversei com o secretário Adriano que ficou de me dar um retorno em breve”, disse Rogério.

O vereador Anselmo Martins visivelmente contrariado com a indefinição que cerca o tema fez um apelo aos demais vereadores para que não atendessem o pedido de adiamento.

“Se existe a possibilidade votem e derrubem o veto hoje. Estão esperando o amém ou estão embarrigando até cair no esquecimento?”

Ainda em sua fala, Anselmo disse que, “quando apresentamos esse o projeto tínhamos o único objetivo de dar mais transparência a população e a esta Casa sobre o cronograma de trabalho das secretarias. Sabemos que  que um dos maiores problemas de Ribeirão Pires é a manutenção da limpeza, pavimentação e capinação das vias públicas, portanto, informar onde estão sendo realizados os trabalhos, traria transparência”, argumentou Anselmo Martins.

Votaram contra o adiamento da análise do veto: Anselmo Martins (PL), Amigão D’Orto (PTC), Paulo Cesar PC (MDB), Amaury Dias (PV), Rubão Fernandes (PSD) e Danilo da Casa da Sopa (PSB).

O vereador Anselmo Martins sempre foi um dos mais ativos na cobrança das ações do executivo quando o assunto é infraestrutura e serviços urbanos.

Conforme registro jornalístico feito pelo Repórter ABC em outubro de 2017, Anselmo Martins fez uma dura crítica ao governo Kiko Teixeira quando comparou as condições das vias pública com a de seu antecessor, Saulo Benevides.

Em tom bem humorado e com tom irônico, respondendo a questionamento feito, o edil disse que o governo Kiko frusta imensamente as expectativas populares não realizando serviços básicos como recapeamento, tapa buraco e capinação. Vera matéria clicando aqui.

“Se no governo do ex-prefeito Saulo Benevides tínhamos 100 buracos, hoje no governo Kiko temos 50! Os buracos cresceram tanto que se uniram a outros”, vereador Anselmo Martins.

A discussão da derrubada ou manutenção do veto já faz parte da Ordem do Dia da próxima Sessão a ser realizada na quinta-feira (28).

Deixe uma resposta