Clauricio Bento confirma candidatura ao Paço, defende nepotismo e mente sobre o fim do Programa Mais Médicos em RGS

O vereador Clauricio Bento (DEM) através de sua página no Facebook confirmou que será candidato ao Paço Municipal na eleições de 2020.

Mencionando o atual prefeito, Gabriel Maranhão, Bento respondeu a questionamento feito em entrevista realizada em um Portal de Noticias da região do ABC Paulista.

“Quero responder a você, prefeito Gabriel Maranhão. Você que disse que não sabia que eu seria candidato a, pré-candidato a vereador, pré-candidato a vice-prefeito ou a prefeito. Sou pré candidato sim a prefeito de nossa cidade de Rio Grande da Serra”, afirmou o edil.

Clauricio Bento cometeu um grave erro quando acusou a atual secretária de Saúde e vice-prefeita da cidade de ter acabado com o Programa Mais Médico em Rio Grande da Serra.

“A vice-prefeita da cidade acabou com o programa mais médicos”, bradou Bento.

O Programa Mais Médicos, lançado em 8 de julho de 2013 pelo Governo Dilma, tinha como objetivo, suprir a carência de médicos nos municípios do interior e nas periferias das grandes cidades do Brasil.

Após duras críticas do atual presidente Jair Bolsonaro, o “Programa Mais Médicos” foi extinto. Em 1º de agosto de 2019, o governo Federal lançou o programa “Médicos pelo Brasil” em substituição ao Mais Médicos.

Atualmente o Programa “Médicos pelo Brasil” teve adesão insuficiente para atender a demanda sendo que muitos profissionais da saúde optaram por trabalhar em regiões litorâneas e capitais.

Quando assumiu interinamente o comando de Rio grande da Serra em 26 de junho deste ano, professora Marilza contratou seis novos médicos em substituição ao médicos do extinto “Programa Mais Médicos” que foram dispensados pelo atual governo Federal – ver reportagem aqui – bem como em 1º de março, acompanhada pelo prefeito Gabriel Maranhão entregou novas ambulância para a cidade – ver aqui.

A defesa do nepotismo e do toma-lá-dá-cá

O vereador Clauricio Bento, bem no início de seu vídeo que foi ao ar na tarde desta terça-feira (22) partiu para o ataque acusando o governo municipal por ter dispensado a esposa do vereador Zezinho da Lavínia.

” O prefeito dispensou a Angela, esposa do vereador Zezinho da Lavínia. O vereador Zezinho foi eleito para o seu primeiro mandado e sua esposa está a 13 anos trabalhando dentro da prefeitura”.

Na sequencia, Clauricio disse: “fico muito triste com você vice-prefeita professora Marilza, vendo que o vereador Zezinho ajudou a te eleger como vereadora e hoje você dá esse ‘troco’ pra ele! Será que é isso o que você quer fazer com nossa cidade? Será que você quer continuar a fazer esse tipo de política?”, questionou o vereador.

Segundo informações apurada, a referida senhora Ângela Oliveira era ocupante de cargo de recepcionista em posto comissionado e não efetivo onde há a livre possibilidade de exoneração. Por outro lado, é esposa de vereador e como tal encontrava-se e situação análoga de nepotismo cruzado.

O vereador Clauricio pronunciou a expressão ‘troco’, vocábulo este que também pode ser compreendido como ‘troca de favores?’. Se for, é imoral, especialmente vindo da boca de um político que acaba de assumir interesses em disputar cargo majoritário na cidade. Isso soa mal! Muito mal! Luis Carlos Nunes

Acompanhe abaixo a íntegra do pronunciamento do vereador Clauricio Bento

Deixe uma resposta