Amaury Dias deixará liderança do governo Kiko na Câmara de Ribeirão Pires

Trafega nos corredores da Câmara de Ribeirão Pires que o atual líder do Governo Kiko Teixeira na Câmara, o vereador Amaury Dias (PV) deverá pedir desligamento da função.

Segundo as informações, Amaury que está a 10 meses no posto de líder está descontente com os rumos adotados pelo executivo. Sua saída pode estar associada ao fato do prefeito Kiko Teixeira articular nos bastidores nomes para a disputa do pleito municipal de 2020.

O anúncio de desligamento pode acontecer nesta quarta-feira (9), – um dia antes da próxima sessão legislativa – quando Amaury terá encontro com o prefeito. Não há, porém; indicativo até o momento de que o vereador Amaury deva engrossar as fileiras da oposição.

Não é nova a onda de instabilidade da base de sustentação do executivo. Desde Kiko impôs a presidência da Casa ao seu sobrinho, o vereador Rato Teixeira (PTB), criou-se uma grande fratura no parlamento municipal com insatisfação de vereadores com o prefeito em função da falta de trato e respeito dispensados aos mesmos. O prefeito já amargou fragorosas derrotas a exemplo da Taxa do Lixo, derrubadas de vetos e a convocação de secretários. O quadro pode se agravar, onde é previsto de que vereadores venham a abandonar o governo.

Deixe uma resposta