Jovem realiza trabalho voluntário e organiza passeios por pontos turísticos de Ribeirão Pires

“Tenho como objetivo, mostrar o quão Ribeirão Pires tem potencial turístico mostrando nossas belezas naturais e fazendo com que a cidade seja reconhecida na região, em outras cidades e estados”, Patrick Alan

Repórter ABC, fotos:Patrick Alan

Patrick Alan Barreto, de 21 anos, é morador de Ribeirão Pies desde o seu nascimento. Graduado em Mecatrônica Industrial, desenvolve importante atividade na cidade: “trabalhos voluntários”.

No final do mês de abril deste ano – dia 27 – contatou amigos e conhecidos ao qual levou para que conhecessem alguns dos pontos turísticos da cidade.

“Sempre tive em mim o desejo de ajudar as pessoas e em Ribeirão Pires sempre ouvi algumas críticas sobre o turismo. Desejoso de conhecer mais da cidade convidei pessoas para que juntos visitássemos as atrações de ribeirão Pires”, disse Patrick.

Nesse primeiro Tour, Patrick disse que visitou o Mirante São José, o Mirante Santo Antonio, a Igreja do Pilar, o Museu Municipal com uma breve para no recém inaugurado Centro de Informações Turísticas (CIT) e a Torre de Miroko.

“No primeiro passeio participaram 23 pessoas divididas entre as cidades de Suzano, Guarujá, Mauá e da capital paulista”, explicou.

Ainda no Tour por Ribeirão Pires, Patrick Alan relatou ao Repórter ABC que uma de suas principais atenções é o cuidado com o Meio Ambiente onde foi recolhido lixo – através de uma modalidade esportiva denominada “Plogging” – em locais por onde passaram, feito plantio de árvores nativas e que está planejando o Terceiro Tour para o próximo dia 1º de julho (sábado).

“Durante nosso primeiro Tour, trabalhei com os turistas o desenvolvimento do Plogging. Uma modalidade esportiva já bem difundida na Europa e que tem como fundamento principal a coleta de lixos que está indevidamente jogado na natureza. Conseguimos recolher 10 sacos de aproximadamente 60 litros de lixo. Outra atividade que foi desenvolvida no Tour, foi o plantio de mudas de árvores nativas da região, como Ingá, cerejeira da Mata e Araçá. As mudas foram uma doação de um viveiro de fora da cidade. O segundo Tour contou com a participação de 35 pessoas e aconteceu no último domingo, dia 19 de maio onde se repetiu o roteiro do primeiro Tour”, salientou.

Questionado sobre sobre as motivações que o levam a organizar os passeios, Patrick Alan respondeu:

“Tenho como principal objetivo, mostrar o quão Ribeirão Pires tem potencial turístico mostrando nossas belezas naturais e fazendo com que nossa cidade seja reconhecida na região e em outras cidades e estados. Acredito muito no Plogging. A palavra Plogging em inglês vem da junção de duas palavras: “plokka up” que em sueco significa recolher + running que significa correr”, concluiu.

O terceiro Tour por Ribeirão Pires, acontecerá no próximo dia 1º de junho onde será feito um passeio pelo Castelo de Robson Miguel.

Para maiores informações entrar em contato pelo telefone celular: 11 – 9 9705-3454

Abaixo outras imagens do Tour que foram gentilmente cedidas pelo organizador, Patrick Alan

Deixe uma resposta