Rubão fala sobre o cenário político de Ribeirão Pires em entrevista

O ex-presidente da Câmara de Ribeirão Pires, vereador Rubão Fernandes (PSD) em entrevista aos jornalistas Leandro Amaral, Carlos Carvalho e Samuel Boss do Repórter Diário na noite desta quinta-feira (14), explanou sobre o atual cenário político em Ribeirão Pires.

“A cidade está fervendo, são muitas as reclamações sobre a atual administração. Quando ando com o ex-prefeito Clóvis Volpi percebo as dificuldades porque estão passando os munícipes”.

Questionado sobre a sua saída da base aliada do governo Kiko Teixeira (PSB), Rubão disse que os caminhos mudaram muito no rumo político da cidade.

“Trabalhei com o Kiko na cidade de Rio Grande da Serra e não posso aqui negar as qualidades dele como gestor. Porém o Kiko foi eleito prefeito contra o Saulo Benevides e hoje a prefeitura está lotada de aliados do Saulo. Isso não pode e eu não aceito”, enfatizou.

Os jornalistas indagando sobre o seu destino político, o vereador de Ribeirão Pires disse que mudará de partido e que articula com Clóvis Volpi.

“Recebi convite do ex-prefeito Clóvis Volpi para ser seu vice numa possível chapa em 2020. O Clóvis Volpi está montando um escritório na cidade e estamos andando muito e dialogando com a população. Não serei candidato pelo PSD, no momento estamos também em conversações com partidos políticos”, disse.

Respondendo a pergunta do jornalista Samuel Boss se Clóvis será candidato em Ribeirão Pires, Rubão disse: “Hoje o Clóvis Volpi tem importantes lideranças e da população que o apoiam e estamos trabalhando muito para que ele seja candidato na cidade. Creio que é minúscula a possibilidade de ele disputar as eleições em 2020 em Mauá. Mas caso isso ocorra com certeza ele deverá apoiar algum nome na cidade”.

Ao término da entrevista, o entrevistador Leandro Amaral disse que na possibilidade de Clóvis Volpi não sair candidato em Ribeirão, Rubão é um prefeiturável.

Deixe uma resposta