Paulinho Serra tem dura missão frente ao Consórcio: Unir o ABC e promover mudanças

Com apenas 15 dias de sua eleição como novo presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC, o prefeito de Santo André, Paulinho Serra (PSDB) tem uma árdua missão: unir os sete prefeitos que administram as cidades do ABC Paulista conciliando pleitos e visões para os rumos da importante entidade regional.

Segundos fontes, Serra já deu início as conversações fazendo contatos com prefeitos dissidentes que discordaram da política que vinha sendo tocada por seu antecessor, o prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando.

Este editor mesmo antes de ter conhecimento sobre esta paragem do ABC Paulista, bem lá de longe sempre ouvia muito se dizer sobre o “Poderoso e Exemplar” Consórcio do ABC que hoje se encontra com apenas quatro de seus membros na ativa tendo como não ativos, os municípios de Diadema, São Caetano do Sul e Rio Grande da Serra.

Em seu discurso logo após a reunião da Assembléia Geral que o elegeu no último dia 08 de janeiro, Paulinho Serra sinalizou afirmando que o “Consórcio tem pendências possíveis de serem tiradas do papel com o apoio dos governos estadual e Federal e que sua missão como presidente é a de levar demandas regionais especialmente o combate às enchentes, saúde e mobilidade urbana que são áreas que já geraram frutos concretos para a região e em que já existe uma integração mais adiantada entre as cidades. Por isso, nosso objetivo é focar em projetos em que tenhamos uma capacidade de implementação maior”, disse na oportunidade.

Ao que tudo indica, há disposição de Paulinho Serra em ouvir demandas dos representantes dos demais municípios que compõem a entidade regional e tudo pode chegar a bom termo.

Deixe uma resposta